Palestras e Treinamentos

Curso LGPD e os pequenos empreendedores

A Lei Geral de Proteção de Dados e os pequenos empreendedores

Objetivos:

A Lei Geral de Proteção de Dados traz exigências para todas as empresas, grandes ou pequenas, no tratamento dos dados pessoais que circulam em seus registros, sejam eles físicos ou digitais. As principais adaptações serão exigidas com relação aos próprios empregados, terceirizados, contratos com prestadores e consumidores. Todas as empresas, diante das suas realizadas, precisam se preparar para cumprir as determinações legais.

 Programa:

  1. Primeira tarefa – verificar quais os dados pessoais são tratados pelas empresas;
  2. Antes de implantar programas, é preciso entender o que precisa ser priorizado;
  3. Alguns cuidados específicos: currículos, contratos, compartilhamento de computadores ou equipamentos e pequenos treinamentos para as equipes;
  4. Cuidados com os registros e com o descarte;
  5. Mecanismos de segurança.

 A quem se destina:

Pequenas e médias empresas, sócios, diretores, responsáveis pela área de recursos humanos, contadores, e responsáveis pela tecnologia da informação e demais interessados no tema.

Cópia de Cópia de Cópia de Cópia de Cópia de Cards direito do Fornecedor_B&G (3)

Filhos conectados: cuidados e responsabilidades

Objetivos:

As mídias digitais podem ser um espaço para o desenvolvimento e aprendizado de crianças e adolescentes. No Brasil, conforme levantamento recente realizado pela TIC Kids Online Brasil, mais de 24 milhões de indivíduos de 9 a 17 anos são usuários(as) de Internet. Além dos benefícios relacionados à interação dinâmica entre as pessoas, cursos, jogos educativos, lives, entre tantas ofertas positivas, existem também riscos que envolvem ciberbullying, exposição excessiva (nudes), desafios perigosos ou violentos, desinformação, influenciadores digitais, consumismo, o que precisa ser enfrentado pelos educadores.

 Programa:

  1. Diferenças entre gerações;
  2. A internet é “terra sem lei?” – quais as regras que devem ser observadas;
  3. Comportamentos de adultos, crianças e adolescentes nas mídias digitais;
  4. Falando sobre as boas escolhas on-line;
  5. Redes digitais e consumo – educando para o uso consciente;

 A quem se destina:

Pais, professores, diretores, coordenadores e todas as pessoas que desejam ampliar seus conhecimentos para o manejo das redes sociais e mídias digitais na educação de adultos, crianças e adolescentes para o uso responsável das ferramentas digitais.

Cópia de Cópia de Cópia de Cópia de Cópia de Cards direito do Fornecedor_B&G (2)

Protagonismo Feminino nas Redes Sociais

Objetivos:

Oportunizar às/aos participantes um espaço para aprendizado e debate acerca do uso das redes sociais e mídias digitais por mulheres, observando as nuances da vida pessoal e profissional, com foco no protagonismo feminino, na sua proteção e na defesa de seus direitos.

 Programa:

  1. Empoderamento ou protagonismo feminino;
  2. A identidade feminina no mundo real e o mundo virtual;
  3. A vida profissional e a vida pessoa nos ambientes virtuais;
  4. Riscos, proteção e defesa de direitos;
  5. A proteção individual e as instituições do Poder Público.

 A quem se destina:

Todas as pessoas que desejam ampliar seus conhecimentos para o manejo das redes sociais e mídias digitais para estabelecer condições para o protagonismo feminino, proteção e defesa de direitos das mulheres, seja no ambiente profissional ou na vida pessoal.